Páginas

31 de dez de 2015

Os melhores livros de 2015 - Minhas escolhas

Hey folks! 

Hoje trago pra vocês a lista dos dez livros que eu mais gostei de ler em 2015, os que se sobressaíram de alguma forma, seja pela trama ou pelos personagens, ou pela escrita do autor. Apesar de ter mais tempo livre, eu acabei lendo menos do que nos anos anteriores, mas consegui criar o Canal do Youtube, o Arabesqueando e espero ler mais nesse próximo ano e parar de sabotar minhas To Be Read.

(Se eu ler menos fanfiction também consigo aumentar a lista de livros lidos.) cof cof 

Ao contrário do ano passado, não vou classificar eles por quanto gostei e sim, só lista-los, porque acho que eu amei todos da mesma forma haha

Cruel Beauty- Rosamund Hodge AI COMO EU AMEI ESSE LIVRO. Foi uma das minhas primeiras leituras de 2015 e fiquei apaixonada. Baseado em A Bela e a Fera, Cruel Beauty conta a história da Nyx, uma garota que é criada para, aos 17 anos, se casar com um príncipe dos demônios que atormenta a terra dela, Arcadia. Óbvio que nem tudo é preto no branco e Nyx vai descobrir que o lord da escuridão esconde muitos segredos. Uma aventura por dentro de um castelo gigantesco, magia, rosas e demônios que amam. 



Sangue na Neve- Lisa Gardner. WOWWW esse livro tem um dos melhores plot twist que eu já vi. Sabe quando a história está indo numa direção e de repente ela EXPLODE NA SUA CARA E MUDA TUDO? Então, é bem isso que acontece em Sangue na Neve. A policial Tessa Leoni mata o marido em legítima defesa e sua filha está desaparecida.  Pelo menos é essa a história que ela conta quando a polícia chega na sua casa. Logo depois, questões surgem e nublam totalmente o testemunho de Tessa, fazendo com que a detetive DD Warren não saiba mais no que acreditar. E quando tudo aponta para Tessa, as evidências mudam outra vez! Muito tenso!

O Historiador - Elizabeth Kostova. Esse livro passou anos na minha estante e agora eu me arrependo de ter demorado tanto pra ler. Contado através de cartas e relatos, ele traz a história de uma pesquisadora que quando jovem seguiu os passos de seu pai atrás da verdadeira história de Vlad, o Empalador, o nosso futuro Drácula. Se eu tivesse que resumir esse livro em uma palavra seria FANTÁSTICO! A autora fez uma extensa pesquisa histórica para o livro e a cada página você se sente junto com os protagonistas seguindo cada pista que leva a Vlad. 


Os Homens que não Amavam as Mulheres- Stieg Larsson. Tudo que falaram sobre a escrita de Stieg é verdade. Depois de ler sua trilogia, fica impossível não reconhecer sua genialidade. No romance policial Os Homens que Não Amavam as Mulheres, temos um thriller envolvendo uma hacker toda tatuada e anti-social e um jornalista, que juntos, tentam resolver um crime com mais de quarenta anos. A trilogia toda é fenomenal, na verdade. LEIAM.



O Diário de Mr. Darcy- Amanda Grange. Esse livro já está resenhado aqui no blog e tudo que vocês precisam saber é que É A HISTORIA DE ORGULHO E PRECONCEITO CONTADA PELO MR. DARCY. Pronto. Só isso. Podem ir ler. Vocês já imaginam o quanto esse livro é perfeito!







A História Secreta- Donna Tartt. Um grupo de jovens em uma universidade, estudando a história e filosofia grega, adeptos a cultos dionísicos matam uma pessoa. E o que levou esses jovens à isso  é a trama de The Secret History, um dos melhores (se não o melhor) livros que eu li esse ano. Intrigante, viciante e assustador esse livro me deixou sem palavras. É uma verdadeira obra prima da literatura mundial e me fez ajoelhar e venenar Donna Tartt.   





 Lírio Azul, azul lírio - Maggie Stiefvater. 
ESSE.LIVRO.EU.NEM.SEI.O.QUE.DIZER.SÓ.SENTIR. Terceiro volume da série dos garotos Corvos (resenhada aqui), Azul Lírio, Lírio Azul conta mais uma parte da aventura dos garotos corvos e da maravilhosa Blue Sargent, atrás de um antigo rei mágico, que estaria enterrado na cidadezinha de Henrietta, onde eles vivem. Morri de amores por essa história e meu coração de shipper quase teve um treco!



A Irmandade Perdida - Anne Fortier. Na mesma linha de O Historiador, esse livro conta a aventura da Diana, uma professora universitária fascinada pela lenda das amazonas que descobre ser descendente dessas guerreiras mitológicas! Cheio de ação e história, foi um dos livros que mais me deu prazer em ler esse ano porque me ensinou coisas (amo quando um livro além de me distrair, me traz informações novas pra vida). QUERO SER AMAZONA NOW.


Carry On- Rainbow Rowell. Esse livro conta a história do Baz e do Simon, personagens que aparecem em Fangirl, outro livro da autora. Sobre o que é? Bem, imagine Draco Malfoy e Harry Potter se apaixonando. Imaginou? É isso. HAAAA curiosos hein? Em breve faço resenha pra vocês. Mas posso dizer que sim, É MARAVILHOSO, FANTÁSTICO, FOFO, ARCO-ÍRIS. 






Legend- Marie Lu. Distopia que se passa em uma Los Angeles devastada no ano de 2130, traz a história de June, a garota prodígio da República, e Day, o jovem mais procurado por essa república. Após a morte do irmão, que é creditada a Day, ela sai atrás dele, mas depois que o captura, descobre que a República esconde muito mais do que ela imagina. É um livro super rapidinho, mas muito bem escrito e com a tensão certa pra me fazer desejar ler os próximos (e olha que eu tava meio cansada de distopias). 



Então, galere, esses são os dez livrinhos mais bacanas que li esse ano.
Deixo aqui meus votos pra que 2016 seja maravilhoso e CHEIOOOOO DE LIVROS LINDOS PARA TODOS!
Que nossas metas de leitura dobrem e que consigamos alcança-las! haha