Páginas

22 de jul de 2010

Maratona de Banca: Julho- Nora Roberts


Amor Nunca é Demais- Nora Roberts

(The MacGregor Grooms, Nova Cultural, 1998)


O rico e poderoso Daniel MacGregor descobre as mulheres perfeitas para seus três netos. D.C., Duncan e Ian são, assim, apresentados das formas mais criativas a Layna Drake, Cat Ferrell e Naomi Brightstone.
Agora, eles e suas futuras noivas precisam apenas ser convencidos de que estão diante dos amores de suas vidas. Mas este é um trabalho para o destino... e para o coração.


Quando eu digo que Nora Roberts é a melhor romancista dos últimos tempos fico um pouco receosa de estar sendo exagerada. Mas, quando volto a ler suas histórias, fico feliz de pensar isso e reafirmo seu talento.
A Saga dos McGregor é mais uma típica e apaixonante 'história Nora': personagens bem construídos, muito bem humorada e emocionante. Sabe aquelas que te deixam feliz enquanto lê? Bem assim, bem Nora.
As peripécias dos McGregor se estendem por nove livros e contam as traquinagens do patriarca do clã, Daniel McGregor, que não descansará até não ter todos os seu filhos e netos casados com pessoas de boa índole e capazes de lhe darem lindos bebês. Não há empecilhos que desviem McGregor de juntar diversos casais e vê-los formando grandes famílias (bebês, muitos bebês, esse é o maior desejo de Daniel. Obviamente ele não admite isso).
Nesse livro o patriarca dá um empurrãozinho em seus três jovens netos D.C., Duncan e Ian para que arranjem boas moças e povoem o castelo da família.
A primeira história gira em torno do belo D.C, e a frágil Layla e foi, na minha opinião, a mais fraquinha. Não pela história, mas por Layla que encarna o tipo de personagem que eu não gosto: muito rica, muito bonita, muito frágil e muito doce. Um saco, em resumo.
Em seguida, Nora traz o sexy- e muito- Duncan e a espirituosa Cat Ferrell. O casal é uma delícia de se ler e me fez rir muito. Cat é do tipo cabreira que enfrenta tudo de cabeça erguida e Duncan sabe exatamente como lidar com sua personalidade geniosa.
E por último, a autora fecha a história com Ian e Noami. Disparado foi meu casal favorito do livro. Noami é uma ex-gordinha, tímida e insegura que arrebata o coração do jovem advogado. Ian, perplexo, não entende porque a mulher escultural a sua frente ruboriza com simples elogios. Noami tem reações tão engraçadas que eu desejei que o livro fosse um pouquinho mais longo só para poder acompanhá-los por mais tempo.
A série toda é ótima e engraçada. Quando chegamos no último livro, a gente sente aquele aperto no peito de saudades de toda a enorme familia McGregor que tanto nos prendeu à suas vidas.

Resumindo: é Nora. Simples e perfeitamente Nora Roberts. Sempre recomendo.


Gostei: Os homens Nora..*suspiro*
Não gostei: Layla-sem-gracinha...

4 comentários:

  1. Ai... quero ler!!!!
    Também adoro a Nora...
    Tu tem toda a coleção dos MacGregors?

    Eu ainda tenho que ler o meu da Maratona, assim que terminar - ou melhor, começar - eu posto.
    Beijos,
    e Boa última semana de férias...

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li essa série... tô tentando completar minha coleção... um dia chego lá!!!

    ResponderExcluir
  3. nossa!!! não sabia da existência desses livros!! minha mãe é viciada na Nora shuahsauhsauhs

    se ela ver... \o/

    ResponderExcluir
  4. Olá, estou divulgando meu blog.Ele se chama Escritos, Livros e Vida. Se quiser seguir e comentar, sinta-se a vontade!!!

    http://escritoslivrosevida.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Faça uma pessoa feliz e comente esta postagem!
Saber a opinião de um leitor é muito importante pra que a gente saiba se o blog está legal ou não =)